Homepage

Sporting Clube da Cruz 5- Atlético Clube de Gervide 2

Ludgero Costa
22 de fevereiro de 2012

Nesta manha fria de Fevereiro, a nossa equipa de juvenis serviu de anfitrião ao Atlético de Gervide, tendo cumprido os mínimos exigido, ou seja ganhamos um jogo fácil, contra uma equipa que não nos apresentou grandes dificuldades.

        Com algumas alterações no onze inicial e cumprindo um esquema de alternância na guarda da nossa baliza, coube ao Raul a tarefa de manter inviolável as nossas redes, tarefa que cumpriu com empenho, muito embora o nosso adversário não lhe tenha dado muito trabalho, no entanto sempre que foi chamado a intervir o Raul apresentou-se seguro.

        O jogo na primeira parte só teve um sentido, e logo aos 12 minutos o Huguinho inaugurou o marcador, aproveitando uma má colocação de bola em jogo pelo guarda-redes adversário, que atirou a bola contra o corpo do Tiago Costa e o Huguinho só teve que perguntar para que lado o guarda-redes do Gervide queria a bola.

        O tempo ia passando e assistia-se a um festival de golos perdidos, demonstrando um défice enorme de aproveitamento das jogadas criadas pelos nossos médios, tal como aconteceu no passado fim de semana frente ao Hernâni, as oportunidades foram muitas, mas não foram aproveitadas.

        Aos 18 minutos, o Bruno Sousa a passe do Orlando fez o segundo golo e aos 22 minutos fez o terceiro num “chapéu” magnífico de fora da área, aproveitando o adiantamento do guarda-redes.

        Com o resultado em 3 a 0, fomos para o intervalo com a ambição de dilatar o marcador, o que só aconteceu aos 55 minutos também com um “chapéu” magistral do Orlando Amaral, de referir que o Orlando Amaral, hoje atuou mais para o coletivo do que para o individual.

        Com o jogo controlado e aproveitando as facilidades que o adversário concedia, o Cruz adormeceu e consentiu que o Gervide desfeiteasse o guarda-redes Pinto por duas vezes, aos 72 e 80 minutos, aproveitando as desatenções que a defesa em tempo de descompressão resolveu começar a oferecer.

        De salientar que a única nota de interesse depois do nosso quarto golo foi aos 55 minutos com o segundo golo do Orlando que entra na grande área do Gervide pelo lado esquerdo e na passada remata fazendo um grande golo o quinto do Cruz.

        O jogo terminou sem incidentes, parabéns ao Gervide que foi um adversário meritório.

        Na próxima semana os juvenis estarão de folga, vamos ficar a torcer para que os resultados dos nossos diretos adversários nos sejam favoráveis para continuarmos a lutar pela melhor classificação possível, para isso vamos preparar com tempo os jogos que nos faltam.

 

        Força Cruz

Adicionar comentário


Receber novidades