Homepage

Hernâni Gonçalves 2 – Sporting Clube da Cruz 0

Ludgero Costa
31 de janeiro de 2012

 

Teatro num sábado á tarde !!!

         Neste último sábado fomos brindados no Estádio do Nogueirense por um show de futebol dado pela nossa equipa.

         Os juvenis do Cruz entraram em campo com a vontade de ganhar e encontraram um Hernâni que se submetia ao controle da nossa equipa em todas as áreas do campo.

         As oportunidades de golo iam-se sucedendo na grande área do Hernâni, mas aos 30 minutos de jogo, numa bola centrada para a grande área do Cruz pelo lado direito, com os centrais a não chegarem á bola o nosso adversário inaugura o marcador tendo o guarda-redes “Pinto” sido traído pela sua baixa estatura.

         O Cruz não baixou os braços e continuou a dominar o jogo a seu belo prazer, continuava-mos a acreditar que era possível dar a volta ao resultado e ganhar o jogo. 

         Os primeiros quarenta minutos terminaram sem o Hernâni ter criado mais nenhuma oportunidade de golo.

         No reatar do encontro entramos ainda mais dominantes, mas o destino prega partidas e logo ao dois minutos da segunda parte surge o segundo golo do Hernâni, num balão chutado do meio do campo, uma bola chutada sem nexo nem intenção, caprichosamente a bola embate na barra da nossa baliza, exatamente no único lugar onde podia ter embatido para entrar na nossa baliza entre a barra e o guarda-redes “Pinto”, que mais uma vez é traído pela sua baixa estatura.

         Depois deste episódio, foi mais do mesmo, o Cruz a dominar, a sufocar o adversário, a bola teimosamente a não querer entrar na baliza do Hernâni.

         Aos 57 minutos de jogo o guarda-redes do Hernâni é expulso e começou aqui a peça de teatro interpretada por uns magníficos artistas de 16/17 anos de idade, para começar a saída de campo do guarda-redes expulso e a substituição pelo guarda-redes suplente demorou mais de quatro minutos, depois deste primeiro acto, surgiram inexplicavelmente vários jogadores do Hernâni com “cãibras” que caiam em frente ao arbitro parecendo fruta madura a cair de uma arvore. A equipa de arbitragem interrompia o jogo, mas não para o cronómetro, deixando que os atletas fossem assistidos dentro das quatro linhas e reatando a partida com o atleta a pedir logo para entrar em jogo. Este triste espetáculo de teatro repetiu-se no mínimo por cinco vezes, tendo em média sido perdido mais de dois minutos por assistência. No final da partida o Sr. Arbitro unicamente permitiu de se jogasse mais dois minutos para lá dos oitenta regulamentares, condicionando a nossa tentativa de recuperação do resultado, pois sempre que o Cruz aumentada o ritmo, logo surgia mais um jogador do Hernâni a cair aos pés do arbitro, para que ele interrompesse o jogo.

         O Cruz entrou no jogo a dominar e acabou a sufocar o adversário.

         O Hernâni, ganhou o jogo sem ter justificado a posição que ocupa na tabela classificativa, mas infelizmente no futebol nem sempre quem joga melhor é que ganha o jogo.

         Quero expressar os meus sinceros parabéns á nossa equipa que encheu o campo com futebol de primeira, mas que não foi feliz.

         Infelizmente não nos restará mais do que o sonho de manter o quarto lugar, e continuar a lutar de cabeça levantada enfrentando cada jogo como uma final.

         No próximo domingo pelas 10 horas da manha, iremos defrontar o Atlético Clube de Gervide no Campo do Outeiro, esperamos por si para nos apoiar e todos juntos ganharmos o jogo.

         Todos juntos seremos mais fortes e vamos continuar a lutar.

          Força Cruz

Adicionar comentário


Receber novidades